11 de janeiro de 2008

Roger Dean às avessas: minhas telas em homenagem a alguns discos clássicos do progressive rock

Blue Oyster Cult - (Dont´t Feel) The Reaper

Don´t fear the reaper... de Will (ou, melhor, Eric Bloom)botando pra quebrar no cowbell, sob a inquestionável orientação do engenheiro de som Bruce Dickinson( hahahahaha). Bela homenagem (?!) ao Blue Öyster Cult

video

Tragédia vinílica

Dois anos atrás, uns bichinhos miseráveis, conhecidos como traças, atacaram meus lps que se encontravam, à epoca, na casa da minha mãe. Os malditos parece que até escolhem a comida, vão logo pro filé mignon; deixaram de lado uns discos velhos de Padre Zezinho, Simone e Jessé, para caírem matando sobre algumas preciosidades da minha coleção. Vejam o resultado.
Na primeira foto, vemos o estado em que ficaram as capas do terceiro disco do Deep Purple, Sun Secrets do The Eric Burdon Band e (já tou chorando) o primeirão do Dust, todos importados e novíssimos. Detalhe: depois de ver o estrago, minha mãe recolheu os discos, limpou e os colocou ao ar livre. Resultado: o vinil do Dust ficou empenado. Valeu o esforço e a boa vontade, mamãe!
Na segunda, temos (buá, buá, buá) Dschinn (same), Focus (Ships of Memory), Curved Air (Live), Kansas (primeiro) e The Eleventh House (com Larry Coryell) num estado não menos lastimável
Finalmente, Burn do Deep Purple, Interview do Gentle Giant e esses dois discos do Dr. Feelgood tiveram pequenas, mas signficativas, avarias. The Dixie Dregs e Flash, progressivos raros, ficaram arredondados.
Morte às traças, a todos animais peçonhentos e, de quebra, vai ursinho Panda na jogada.

The Shining with Jack Ratzinger, Joseph Nicholson and Jesus Christ, The Light of Life

8 de janeiro de 2008

EDEN - Perelandra

Grupo progressivo cristão da década de 70 com letras em alemão. Bom album. O Som, bem, pode ser qualificado de krautólico, heheheheheh. LINK PARA DOWNLOAD: http://www.badongo.com/file/2658987

KAVERET - Poogy Tales

Interessante grupo progressivo de Israel, que floresceu na terra de Mosh Dayan na primeira metade dos anos 70. Caracteriza-se por uma sonoridade bastante singular (penso que seja inspirada na música tradicional judáica) acompanhada de letras de muito bom humor. Belas melodias e instrumental impecável. Tenho esse album em vinyl e só recentemente descobri o nome do grupo, que aparece na capa em hebráico, embora o título do album e das canções esteja também em inglês.
LINK PARA DOWNLOAD:http://tinyurl.com/2z7s74

7 de janeiro de 2008

RETORNO DE FÉRIAS:Long Live Rock´n´Roll

Essa cara de feliz foi depois de ter comprado duas preciosidades do Jo Jo Gunne por uma pechincha
Eu trucidando meu amigo Rafa depois de uma longa conversa sobre Robert Musil e umas Guinness no bucho
Ao lado, exibindo modelito metálico pro verão, no clima descontraído do Pelourinho, que é ótimo de vez em quando.

RETORNO DE FÉRIAS:arte na areia, sonhos ao vento

Vejam com que maravilha este sujeito brindou a chegada do ano novo lá no Porto da Barra, Salvador! Muito talento e criatividade. Fiquei simplesmente embasbacado. Pena, que o vento e a maré vão por esses grãos de areia no seu lugar natural.Valeu o sol quente no lombo. Podem crer, ali não é um carro enterrado na praia nem uma beldade doidinha para ser currada por trás. Ele provou com sua arte a verdade transcendente daquilo que escreveu na areia sobre as adversidades da vida. Espero que 2008 nos dê força e coragem para superá-las, a começar que nós, baianos, nos livremos o mais rápido possível do petralha Jacques Wagner.

RETORNO DE FÉRIAS: Amor canino

Esse simpático casal de cachorros resolveu, depois de muita labuta, fazer amor defronte à Associação Bahiana de Imprensa, situada no início do Pelourinho. Só podia ser na Bahia mesmo, hahahaha.O macho tem a metade do tamanho da cadela. Ele simplesmente ficou cerca de meia hora tentando alcançar o traseiro dela, sob o olhar atento deste blogueiro que, de férias, não sabe muito o que fazer.